Impeachment: pessedistas apontam posicionamento durante a madrugada

Deputados Jefferson Campos (SP) e Stefano Aguiar (MG) - Fotos: Demétrius Crispim

Deputados Jefferson Campos (SP) e Stefano Aguiar (MG) – Fotos: Demétrius Crispim

Na madrugada deste sábado (16), os deputados Jefferson Campos (SP) e Stefano Aguiar (MG) declararam seus votos favoráveis à admissibilidade do processo de impeachment da presidente da República. Os discursos foram proferidos na tribuna durante sessão de debates sobre o processo.

Jefferson Campos defendeu que a destituição de Dilma Rousseff equivale ao resgate da credibilidade do país. “O Brasil passa por este momento pela falta de discernimento na administração do dinheiro público e por esta corrupção desenfreada.  Votarei a favor do impeachment pelo crime de responsabilidade, mas também como forma de expressar meu repúdio à esta política perversa. Venceremos mais essa batalha e vamos trabalhar para que nosso país se coloque novamente em uma posição de destaque mundial”, pontuou Campos.

Já Stefano disse que o voto dele a favor do impedimento é desprovido do sentimento de vingança ou ódio. Ele justifica que seu posicionamento é pelo desejo de responsabilidade e justiça. “Justiça não é vingança, é reparação. Voto é pelo impeachment por um Brasil verde e amarelo e para sairmos do vermelho”, concluiu.

Carola Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *