Deputado defende fiscalização de obras do setor elétrico para a Copa do Mundo

O deputado Carlos Souza (AM) enviou requerimento ao plenário da Câmara que pede a criação de uma comissão externa para acompanhar o andamento das obras relacionadas ao fornecimento de energia elétrica nas cidades-sede da Copa do Mundo Fifa de 2014, cujo cronograma de execução está atrasado.

Segundo informações apresentadas pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), algumas cidades-sede têm o fornecimento de energia ameaçado e que poderão sofrer novos blecautes, caso não haja a conclusão das obras em linhas de transmissão, distribuição, ampliação e modernização de subestações.

Souza demonstra preocupação com o fornecimento de eletricidade durante o mega evento esportivo. “Estamos há menos de um ano e meio da abertura dos jogos, e 92 dos 163 empreendimentos necessários para garantir o fornecimento apresentam atraso no cronograma de execução ou sequer sairam do papel”, declarou.

No relatório, a ANEEL aponta que das doze cidades-sede apenas duas (Fortaleza e Recife) estão com os projetos em dia. Há sérios atrasos em relação ao cronograma estabelecido pelo governo para promover a Copa em Em Brasília e São Paulo (30,4% de atraso), Belo Horizonte (41% de atraso), Porto Alegre e Rio de Janeiro (41% de atraso), Salvador (75% de atraso), Manaus (50% de atraso), Cuiabá (44% de atraso), Natal (30% de atraso) e Curitiba (78,9% de atraso).

Mirelly Maria
Assessoria de Comunicação do dep. Carlos Souza

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


The reCAPTCHA verification period has expired. Please reload the page.