Ricardo Izar é eleito presidente da CPI dos maus-tratos a animais

Deputado Ricardo Izar (SP) - Foto: Cláudio Araújo

Deputado Ricardo Izar (SP) – Foto: Cláudio Araújo

Por unanimidade, o deputado Ricardo Izar (SP) foi eleito, nesta quinta-feira (6), presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que vai investigar casos de maus-tratos a animais no Brasil. Com histórico de luta em defesa da causa e idealizador da Frente Parlamentar que trata sobre o tema na Câmara dos Deputados, o parlamentar foi o autor do requerimento que solicita a CPI.

Para Izar, a instalação da CPI é regimental e vai tratar de temas que impactam na vida da sociedade. “A saúde humana também está no foco da comissão. Hoje a leishmaniose mata mais do que a dengue no Brasil. Não existem políticas públicas para a questão da castração e controle populacional de animais. Essa CPI, além de investigas os casos de maus-tratos, vai trabalhar de forma propositiva onde vamos fazer as alterações para o endurecimento da legislação e evoluir na questão dos direitos dos animais.”

A CPI terá um prazo regimental de 120 dias para apresentação de relatório final. A primeira reunião do colegiado está marcada para vai se reunir na próxima quinta-feira (13).

Diane Lourenço

Assuntos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *