Parlamentares do PSD apoiam criação de nova CPI

Deputado Éder Mauro (PA) - Foto: Assessoria

Deputados que integram a bancada do PSD se manifestaram a favor da abertura de uma nova Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar suposto desvio de recursos na Petrobras. O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), leu no Plenário, na manhã desta quinta-feira (5), o ato de criação da comissão. Agora, os partidos têm até a próxima semana para indicar seus membros, e a comissão será instalada após o Carnaval.

Representando o PSD, assinaram pela criação da CPI os seguintes deputados:

Alexandre Serfiotis (RJ)
Delegado Éder Mauro (PA)
Evandro Roman (PR)
Francisco Chapadinha (PA)
Goulart (SP)
Heuler Cruvinel (GO)
Joaquim Passarinho (PA)
José Nunes (BA)
Ricardo Izar (SP)
Sérgio Brito (BA)
Sergio Zveiter (RJ)
Silas Câmara (AM)
Sóstenes Cavalcante (RJ)

Deputado Sóstenes Cavalcante (RJ) - Foto: Heleno Rezende

Composição – O bloco liderado pelo PMDB terá direito a indicar 11 parlamentares. O segundo maior bloco, liderado pelo PT e que conta com o apoio do PSD, terá direito a oito representantes, e o bloco formado pelo PSDB, seis vagas. PDT e Psol, que permaneceram independentes, têm direito a uma vaga cada um.

Renan Bortoletto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *