Foz do Iguaçu receberá edição internacional dos X Games

Disputando com metrópoles como Madri, Berlim e São Paulo, o cenário natural de Foz do Iguaçu, no Paraná, conquistou os idealizadores do evento global e foi a cidade escolhida entre mais de 200 concorrentes para receber uma das etapas do X Games, o terceiro maior torneio esportivo do mundo. Os jogos são uma espécie de Olimpíadas dos esportes radicais, que a partir de 2013 adquirem formato global.

As competições ocorrerão dependências variadas de foz do Iguaçu, como as Cataratas do Iguaçu, a Usina de Itaipu e outras áreas.  A ideia é inovar o formato dos jogos depois de 18 anos de existência, que de 02 localidades nos Estados Unidos, passa a ser realizada em 06 cidades ao redor do mundo. Cada etapa dos X Games terá uma singularidade que a distinguirá das demais, incluindo a introdução de novos esportes e elementos culturais que representarão as cidades sedes. O novo modelo pretende ampliar sua comunicação com o público jovem, incorporando atividades além dos esportes em sua programação – como shows e eventos de moda.

Para o deputado federal Eduardo Sciarra (PSD-PR), este evento será uma grande oportunidade não só para a região de Foz do Iguaçu e para o estado do Paraná, mas também para o país; “a realização da etapa X Games em Foz do Iguaçu representa para o país tanto visibilidade quanto retorno financeiro, e poderá servir também para mostrar ao mundo uma região única do Brasil. Agora receberemos os três maiores eventos esportivos do mundo nos próximos anos: os X Games em 2013, 2014 e 2015; a Copa do Mundo em 2014 e as Olimpíadas em 2016, isso significará grande retorno em turismo e comércio”, afirmou o deputado.

A candidatura de Foz do Iguaçu foi proposta pela BSB, empresa especializada em negócios do esporte, que defendeu a cidade paranaense devido ao apelo ambiental, dos amplos espaços integrados à natureza e pela possibilidade de expandir o eixo de grandes eventos esportivos – hoje restritos a São Paulo e Rio de Janeiro – para um destino inovador, mas que já possuísse infraestrutura turística adaptável para sediar um evento esportivo de grande porte. Lembrando que a cidade já recebeu os Jogos mundiais da natureza. Um evento 100% sustentável e ambientalmente correto é a intenção da empresa realizadora.

Foz receberá a terceira etapa prevista no calendário, entre os dias 18 e 21 de abril de 2013. A temporada terá inicio em janeiro na cidade de Aspen (EUA) e terminará no mês de agosto, em Los Angeles (EUA). O circuito também passará por Munique (ALE), Barcelona (ESP) e Tignes (FRA).

Projeto X Games no Congresso – A Brunoro Sport Business (BSB), empresa responsável pela organização dos X Games em Foz Iguaçu nos anos de 2013, 2014 e 2015, divulgou nesta quarta-feira (27), em reunião com deputados e senadores do Paraná e representantes do ministério do Esporte, o projeto desenvolvido pela BSB para os X Games no Brasil. “O X Games é um evento transmitido para mais de 382 milhões de lares em 175 países. Nos próximos três anos, estaremos representando o país e principalmente nossa capacidade de sediar grandes eventos esportivos para o mundo todo”, afirmou Marcelo Doria, presidente da Brunoro Sport Business, aos presentes.

X Games – Os X Games são um evento de esportes radicais criado em 1995, nos Estados Unidos, com o nome The Extreme Games. Atualmente conta com uma edição de verão e outra dedicada aos esportes de inverno. Os jogos possuem quatro modalidades fixas: Moto X, Rally, Skate e Bike BMX e atraem mais de 100 mil pessoas durantes os 4 dias de competição. Os jogos são considerados atualmente a Olimpíada dos esportes radicais, sendo referência em esportes de ação e a maior plataforma esportiva de comunicação com o público jovem no mundo, além de ser transmitido para mais de 192 países ao redor do mundo através dos canais ESPN.

Verônica Gomes
Assessoria de imprensa do dep. Eduardo Sciarra

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *