Agricultura aprova o programa Bucha Vegetal Brasileira

A Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural da Câmara aprovou na manhã desta quarta-feira (11), o parecer do relator Junji Abe (PSD-SP) ao Projeto de Lei 28/11, que cria o programa A Bucha Vegetal Brasileira. Dois são os objetivos da proposta: promover o plantio da espécie vegetal Luffa cyllindrica Roem e o consumo do fruto, conhecido também como esponja vegetal.

Junji Abe explicou: “Ficam habilitados a participar deste programa os pequenos agricultores e os produtores rurais. Já os trabalhadores do setor deverão receber capacitação e assistência técnica para o cultivo da referida espécie”.

Já o autor do projeto, deputado Weliton Prado (PT-MG) listou no art.3º oito objetivos para o programa, entre eles, a melhoria da produtividade do setor e a promoção do consumo da bucha vegetal. A próxima comissão a analisar a proposta é a de Constituição e Justiça e de Cidadania.

“A bucha vegetal”, no entendimento do deputado Junji Abe, “é uma cultura responsável pela geração de emprego e renda que envolve as comunidades rurais de menor poder aquisitivo. Por outro lado, é um produto não poluente e que poderá ser aproveitado como adubo orgânico quando descartado após o seu uso”. Além de seu aproveitamento na higiene pessoal e na limpeza de ambientes, os pequenos empresários utilizam da fibra do fruto na confecção de peças de decoração.

Da Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *