UOL | Bol Notícias: Del Nero ‘prestará esclarecimentos’ aos deputados em Brasília nesta terça

O presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, confirmou, nesta segunda-feira, 8, sua primeira visita ao Congresso Nacional desde a eclosão da crise administrativa na qual o futebol brasileiro e a Fifa estão afundadas. O cartola participará da Comissão de Esporte da Câmara dos Deputados, às 14h desta terça-feira, 9.

Segundo informou a secretaria da comissão, ele “prestará esclarecimentos sobre os últimos acontecimentos”. Del Nero terá de responder sobre as suspeitas de corrupção nos contratos da CBF para a Copa das Confederações-2013, a Copa do Mundo-2014 e a Copa do Brasil (torneio entre clubes). Por este motivo, a Justiça dos Estados Unidos determinou a prisão, há mais de 10 dias de José Maria Marín, ex-presidente da CBF, quando este estava em Zurique para a eleição da Fifa.

A comissão é composta por parlamentares que fizeram carreira no mundo esportivo, especialmente o futebol. O ex-presidente do Corinthians, Andres Sanchez (PT-SP), desafeto declarado de Del Nero, é um dos membros. O ex-árbitro Evandro Rogério Roman (PSD-PR) também faz parte da comissão, assim como o ex-meia do Fluminense e Atlético-PR, Deley (PTB-RJ) e o ex-goleiro do Grêmio, Danrlei (PSD-RS).

Del Nero também poderá contar com aliados na Comissão do Esporte nesta sessão, como por exemplo Marcelo Aro (PHS-MG), diretor de ética e transparência da CBF. José Rocha (PR-BA) durante muito tempo manteve ligações com a CBF, e já declarou ter recebido doações de campanha da confederação. E o presidente da Federação Amapaense de Futebol, Roberto Góes (PDT-AP), também faz parte da comissão.

A Câmara, assim, antecipa o movimento do Senado, que está em fase de estruturação da CPI do Futebol. O primeiro a depor, declarou o senador Romário (PSB-RJ) ao UOL Esporte, seria Del Nero. As bancadas ainda estão em fase de indicação de membros para compor a CPI. A primeira reunião oficial com todos os participantes está marcada para 15 de junho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *