Diego Andrade: CPI do BNDES pode contribuir para solução de crise econômica

Deputado Diego Andrade (MG) - Foto: Cláudio Araújo

Deputado Diego Andrade (MG) – Foto: Cláudio Araújo

O deputado Diego Andrade (MG) defendeu que a Comissão Parlamentar de Inquérito que investiga supostas irregularidades no Banco Nacional de Desenvolvimento Social (BNDES) proponha soluções para incentivar o financiamento de pequenas empresas pelo banco. Andrade afirmou, em sessão realizada nesta terça-feira (11), que o estímulo ao trabalho, por meio da concessão de crédito a micro e pequenos empresários, é um dos caminhos para combater a crise econômica.

“Crise a gente combate com trabalho. O BNDES tem que financiar o micro e o pequeno empresário, as pessoas que estão abrindo os seus negócios. A atuação do BNDES precisa ser aprimorada e temos a oportunidade, com essa CPI, de apontar um futuro para a instituição”, afirmou o parlamentar.

A comissão aprovou o plano de trabalho que inclui convidar o presidente do banco, Luciano Coutinho, para depor. Também estão previstos depoimentos de ex-presidentes, de 2003 para cá, e de outros membros da diretoria.

A comissão vai apurar investigações da Operação Lava Jato, da Polícia Federal, que apontaram como suspeitos empréstimos concedidos a empresas de fachada e a empreiteiras. O BNDES concedeu, entre 2003 e 2014, financiamentos com valores em torno de R$ 2,4 bilhões para nove empreiteiras citadas na operação.

“A sociedade brasileira demanda esclarecimento. Apurações precisam ser feitas e se encontrarmos alguma irregularidade, encaminharemos para que os responsáveis sejam punidos”, concluiu Diego Andrade.

Demétrius Crispim

Assuntos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *