Éder Mauro pede urgência para tornar hedionda posse de armas exclusivas

O Deputado Federal Delegado Éder Mauro, do Pará, pediu urgência para a votação do Projeto de Lei 3376/15, que torna crime hediondo o porte de arma de uso exclusivo das Forças Armadas ou da Polícia.

A votação do PL é uma reivindicação do Deputado paraense e da Bancada da Segurança, que quer acelerar a aprovação de leis para a segurança pública no país.


Saiba mais:

Éder Mauro defende que policiais aposentados tenham direito ao porte de arma

Deputado critica proposta de soltura de presos para desafogar presídios

“Mais presídios só resolve a questão da superlotação”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *