É lei: candidato reprovado terá acesso à nota do vestibular

O presidente Jair Bolsonaro sancionou nesta segunda-feira (13) proposta do deputado Diego Andrade (MG) que garante ao candidato não aprovado em vestibular o direito de ter acesso a nota, indicador de desempenho ou posição na ordem de classificação (PL 1715/11).

Deputado federal Diego Andrade (MG). Fonte: Claudio Araújo.

“O objetivo é deixar o processo ainda mais claro e disponibilizar o desempenho de todos que se apresentaram para a seleção de cursos superiores de graduação. Tanto os selecionados quanto os que não foram aprovados têm direito a conhecer seus índices de desempenho e a colocação na ordem de classificação destes exames”, argumentou o deputado.

Com a medida, fica alterada a Lei de Diretrizes e Bases da Educação. Até então, o texto obrigava a divulgação apenas da relação nominal dos classificados, a ordem de classificação e o cronograma das chamadas para matrícula.

Renan Bortoletto

Assuntos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *