Controle das fronteiras deve ser prioridade, diz Reátegui

Deputado Marcos Reátegui (AP) - Foto: Cláudio Araújo

Deputado Marcos Reátegui (AP) – Foto: Cláudio Araújo

O deputado pessedista Marcos Reátegui (AP) defendeu nesta terça-feira (7), que o debate sobre a proteção das fronteiras do país seja prioridade. O parlamentar participou de audiência pública na comissão especial que estuda apresentar propostas para unificação das polícias civil e militar.

Segundo Reategui, a questão das fronteiras faz parte do tema ‘segurança pública’ e representa um fator que colabora para o crescimento da criminalidade no país. “Recentemente tive notícia sobre um assalto a um carro forte onde foi utilizada a bazuca AT4, com alto poder de destruição. De onde veio essa arma?.”

O deputado informou que o Brasil possui 16 mil quilômetros de fronteiras, por onde passa traficantes de drogas, armas, além do contrabando de cigarros. “Eu posso dizer isso porque já tive a oportunidade de estar próximo de alguns desses trechos onde isso ocorre”, lembrou Reátegui.

O deputado falou sobre a operação Lava Jato da Policia Federal (PF), que, na opinião dele, representa um “passo grande” para o trabalho em conjunto das polícias, como já ocorre no combate à corrupção em países nórdicos.

Diane Lourenço

Assuntos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *