Bertaiolli quer ampliar os  serviços oferecidos pelo CIC

Secretário de Justiça, Paulo Dimas, visitará o Alto Tietê no dia 15 de março e tratará de diversos assuntos, entre eles a expansão do CIC para os municípios da região. Foto: assessoria do deputado.

O deputado federal Marco Bertaiolli quer ampliar os serviços oferecidos pelos Centros de Integração da Cidadania (CIC), órgão ligado à Secretaria Estadual de Justiça, e expandir o número de unidades no Alto Tietê. A proposta inclui ampliar as atividades do CIC existente em Jundiapeba e levar o atendimento, de forma itinerante, para outros distritos da cidade e demais municípios do Alto Tietê, como Biritiba Mirim, Salesópolis, Guararema e Santa Isabel.

Esta expansão do CIC foi um dos assuntos discutidos pelo parlamentar na audiência desta segunda-feira (11/02) com o secretário Estadual da Justiça, Paulo Dimas Mascaretti, que estará em Mogi das Cruzes e no próximo dia 15 de março. “O serviço oferecido em Jundiapeba servirá como modelo desta expansão”, afirmou.

Os Centros de Integração da Cidadania atendem a população em diversas situações e necessidades. Realiza desde a emissão da Carteira Profissional, até consultas de empregos e outros serviços, como Bolsa Família, cursos profissionalizantes e de requalificação profissional. “É uma referência para as pessoas que encontram no local uma série de atividade e orientações, por isso, a importância de estender para outros distritos e municípios”, afirmou Bertaiolli.

Museu Virtual da Educação

Ainda no dia 15 de março, o secretário estadual visitará as obras e as instalações do Museu Virtual da Educação (MUVE), em Mogi das Cruzes, que foi restaurado com recursos do Fundo Estadual de Defesa dos Interesses Difusos (FID), ligado à Secretaria de Justiça.

“Nós assinamos, em 2014, um convênio com o Governo do Estado para o restauro do casarão histórico da rua Coronel Souza Franco, na área central da cidade. O objetivo é transformar aquele espaço num centro de pesquisa para os estudantes, além de preservar a nossa história”, destacou o deputado, salientando que o prédio recebeu as obras necessárias, mas ainda aguarda pelos equipamentos.

Para se ter uma idea da importância deste imóvel para a história de Mogi, o Casarão da Coronel Souza Franco foi construído em 1920 pelo professor João Cardoso de Siqueira Primo no estilo neoclássico e apresenta características típicas do século XIX.

“Este modelo descentralizado de gestão, implantado pelo governador João Doria, tem possibilitado que os secretário de Estado venham aos municípios e conheçam de perto as demandas”, contou Bertaiolli. O secretário de Justiça será o segundo chefe de pasta estadual a visitar o Alto Tietê apenas em fevereiro. Na semana passada, o deputado trouxe para a região o secretário estadual de Logística e Transportes, João Octaviano.

Assessoria de comunicação do deputado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *