Banheiros públicos terão espaço próprio para homens assistirem seus filhos

Estabelecimentos públicos e privados terão que disponibilizar fraldários ou banheiro familiar no qual homens possam assistir seus filhos. É o que prevê proposta (PL 5540/16) de autoria do deputado Rômulo Gouveia (in memoriam) aprovada nesta quarta-feira (7) na Comissão de Seguridade Social e Família (CSSF) da Câmara.

“É inadmissível a discriminação em relação a tarefas entre homens e mulheres. É necessário facilitar a participação dos pais no cuidado com os filhos. Não podemos consentir com retrocessos”, diz trecho do projeto.

Muitos locais já contam com espaço apropriado para isso, mas somente as mães têm acesso. A proposta visa não constranger pais em caso de necessidade de cuidarem de seus filhos fora de casa. No Rio de Janeiro, por exemplo, um homem foi convidado a se retirar do recinto quando tentava acompanhar a esposa e os filhos gêmeos em um fraldário no shopping.

Renan Bortoletto

Assuntos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *